Programa Primeira Chance abre inscrições para empresas interessadas em receber estagiários

As inscrições devem ser feitas até o dia 05 de junho

Programa Primeira Chance abre inscrições para empresas interessadas em receber estagiários

O Programa Primeira Chance lançou nesta quinta-feira, 25, o Edital nº 027/2022 para cadastro de empresas interessadas em receber estagiários de nível técnico. O programa é realizado pela Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia – SEECT/PB, por meio da Gerência Executiva de Educação Profissional – GEEP e as inscrições para seleção de empresas deverão ser realizadas por meio de formulário eletrônico disponível no site http://primeirachance.seect.pb.gov.br/ . As inscrições seguem abertas até o dia 05 de junho.

No setor comercial, por exemplo, as empresas terão a oportunidade de abrir espaço para estudantes com formação Técnica em Comércio ou Agroecologia da E.C.I.T Francisca Martiniano da Rocha, escola localizada em Lagoa Seca. Cada cidade possui estudantes com formação específica e o contato direto com o Primeira Chance é feito através de supervisores do programa. A supervisora responsável por estagiários na área do comércio é a Bruna Santos, que poderá ser contatada através do número (83) 9.9951-8919.

As empresas selecionadas irão arcar apenas com as despesas de auxílio transporte e o seguro estágio, que deverá ser um valor de aproximadamente R$ 200,00 mensais. O estagiário receberá a bolsa que será paga pela FAPESP. Em todo o Estado, estão sendo oferecidas 550 vagas. Os interessados em participar do processo para conceder vagas a estagiários devem ficar atentos a lista de documentos exigidos no ato da inscrição:

  • Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) ou Cadastro Geral de Contribuintes (CGC);
  • Certidões de Regularidade com a Fazenda Federal, Estadual e Municipal;
  • Prova de Regularidade relativa à seguridade social e ao fundo de garantia por tempo de serviço;
  • Prova de Inexistência de Débitos inadimplidos perante a justiça do trabalho, mediante apresentação de certidão negativa;
  • Caso o empresário seja Microempreendedor Individual, será solicitado o comprovante de MEI.

Confira abaixo as etapas do processo.