ACCG reúne representantes da sociedade em defesa do emprego e do desenvolvimento

2

O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande (ACCG), Marcos Procópio, promoveu importante reunião na noite desta quarta-feira. Além de empresários, o encontro contou presenças de lideranças sindicais de trabalhadores, da presidente da Câmara Municipal de nossa cidade, e do deputado estadual Raoni Mendes, que na oportunidade representava o presidente da Assembleia Legislativa, Gervásio Maia.

 

WhatsApp Image 2017-09-13 at 9.05.58 PM

Com uma pauta voltada para o interesse do empresariado e do desenvolvimento econômico e social, a reunião da Associação Comercial tratou sobre temas relacionados à política tributária nacional e do estado, avaliando o impacto das mudanças que ocorrerão no setor empresarial a partir de 2018, tendo em vistas as alterações no regime tributário do Simples Nacional. Na oportunidade, o presidente da ACCG Marcos Procópio chamou a atenção para a revolução tecnológica que está em curso e que vai mudar o mercado de trabalho. Segundo ele, as novas tecnologias deverão eliminar várias funções, que serão substituídas por robôs. Marcos Procópio destacou que algumas profissões estão em risco de extinção por conta da substituição de pessoas por robôs ou máquinas que fazem o mesmo trabalho de maneira mais rápida e barata e que o jeito é se preparar e tentar encontrar um novo ambiente para os trabalhadores, que caminhe em paralelo com o futuro.

O líder classista defende a opinião de que a pauta do “Emprego do Futuro” deve estar presente nos debates da sociedade e, principalmente, dos poderes legislativos federal, estadual e municipal. Marcos Procópio lembrou que, em defesa dessa pauta, a Associação Comercial está alinhada com sindicatos de trabalhadores, com quem tem se reunido periodicamente, citando os exemplos dos sindicatos dos comerciários, bancários, motoristas, radialistas, jornalistas, dentre outros.

A vereadora Ivonete Ludgério, presidente da Câmara Municipal, chegou à reunião conduzindo o projeto de Lei 439/2017 aprovado pelo poder legislativo, que autoriza o funcionamento da atividade empresarial de Escritório Virtual no município, atendendo pleito da Associação Comercial. Na ocasião, a presidente do legislativo garantiu que todos os esforços foram feitos em prol da aprovação da lei. “A lei dos escritórios virtuais foi debatida amplamente na Casa de Félix Araújo, foi aprovada em tempo recorde e já é uma realidade em Campina com a sanção do prefeito Romero Rodrigues”, acrescentou Ivonete.

WhatsApp Image 2017-09-13 at 9.59.24 PM

Ela disse ainda que todos os setores da sociedade devem se engajar na busca pela otimização das oportunidades de criação de novos empregos e de geração de renda em Campina Grande e que a Câmara Municipal vai ampliar o debate sobre o tema.

Ivonete Ludgério expôs aos empresários a intenção de levar para o debate na Câmara, todas as demandas do empresariado campinense e acrescentou que a Casa está recebendo uma proposta de Refis municipal, cujo projeto será antecipadamente debatido com os setores interessados.

 

Por sua vez, o deputado estadual Raoni Mendes justificou a ausência na reunião do presidente da Assembleia Legislativa, Gervásio Maia. O parlamentar colocou-se à disposição da ACCG para apresentar na “Casa de Epitácio Pessoa” a pauta defendida pela Associação Comercial. Ele disse que ter uma visão muita boa da realidade empresarial, sabe das dificuldades que o setor enfrenta com a elevada carga tributária, sendo o segmento o principal responsável pelo financiamento da máquina pública. Em relação ao mercado de trabalho, ele também demonstrou preocupação com o futuro do emprego, em vista do avanço das novas tecnologias. O deputado Raoni Mendes se propôs em realizar uma sessão especial na Assembleia Legislativa para tratar sobre os temas que preocupam a Associação Comercial.

Representando o Poder Executivo Municipal, o deputado estadual licenciado Tovar Correia Lima destacou o trabalho da Associação Comercial em defesa do desenvolvimento econômico da cidade, parabenizando a atual gestão do órgão classista pela iniciativa de colocar em pauta de discussão a necessidade da sociedade e da classe política, em particular, de olhar com mais atenção para o impacto que  está ocorrendo no mercado de trabalho, bem como do reflexo dessas mudanças na vida de milhares de famílias.

Ao final do encontro, o presidente da ACCG, Marcos Procópio, afirmou que a reunião foi bastante positivo e que a entidade continuará estreitando o relacionamento com os diferentes segmentos da sociedade, com o objetivo de criar um ambiente favorável ao desenvolvimento e à geração de emprego. “Nós precisamos engajar a sociedade na causa do emprego”, conclamou Marcos Procópio.

Leia também

Notícias do âmbito empresarial