Vendas no varejo de material de construção ficam estáveis em junho

5 de julho de 2017 Notícias 0

As vendas no varejo de material de construção ficaram estáveis no mês de junho com relação ao mesmo período do ano passado. Já na comparação com maio, o volume de vendas no mês caiu 2%. Os dados são da pesquisa mensal da Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), que entrevistou 530 lojistas entre os dias 26 e 30 de junho.

“Com estes resultados, as vendas do primeiro semestre de 2017 apresentam um pequeno crescimento sobre 2016, de 4%. Nos últimos 12 meses, no entanto, o setor ainda tem retração de 5%”, explica Cláudio Conz, presidente da Anamaco.

Segundo o executivo, mesmo que modesta, a reação do setor indica que o varejo está se recuperando das quedas sofridas nos últimos dois anos. Segundo a Anamaco, o segundo semestre do ano, tradicionalmente, corresponde a 65% das vendas do varejo de material de construção e a previsão é que até o final de 2017 o setor apresente um crescimento de 5% sobre 2016.

De acordo com a pesquisa da Anamaco, quatro regiões do País apresentaram retração de vendas em junho: Norte e Sul (-10%) e Sudeste e Centro-Oeste (-6%). Já o Nordeste apresentou um resultado 2% superior ao mês anterior.

Para julho, 61% dos lojistas entrevistados esperam que o volume de vendas cresça no mês. O mercado, porém, mostra-se sensível à instabilidade política. O pessimismo do setor com relação às ações do governo nos próximos 12 meses é de 43%.

Apesar disso, 13% dos entrevistados pretendem contratar novos funcionários em julho (aumento de 2% com relação a maio) e um terço dos lojistas pretendem fazer novos investimentos ainda em 2017.

Estadão Conteúdo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.