Varejo fraco alivia alta dos juros amparada por cautela com lista de Fachin

12 de abril de 2017 Notícias 0

As fracas vendas no varejo em fevereiro trouxeram alívio às taxas futuras de juros, que desaceleraram os ganhos iniciais amparados pelas preocupações com a Lista de Fachin. As vendas do comércio varejista caíram 0,20% em fevereiro ante janeiro. Os dados corroboram as expectativas majoritárias dos economistas de que o Comitê de Política Monetária (Copom) deve anunciar no fim da tarde um novo corte da taxa Selic, desta vez mais forte, de 1 ponto porcentual, para 11,25% ao ano. Às 9h49, o DI para janeiro de 2019 exibia 9,39%, de 9,38%, enquanto o vencimento para janeiro de 2021 estava em 9,87%, de 9,83% no ajuste de terça-feira. – Jornal do Comércio (http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/04/economia/557054-varejo-fraco-alivia-alta-dos-juros-amparada-por-cautela-com-lista-de-fachin.html)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.