Vandalismo sindical

23 de janeiro de 2017 Opinião do Empresário 0

O movimento Sindical Brasileiro volta ao cenário político brasileiro, nessa onda reinante, de inversão de valores, diferentemente da forma pela qual ele nasceu no século XIX que foi em busca de representar e defender a classe trabalhadora defendendo seus direitos, que é muito justo inclusive.

Hoje o que presenciamos é um vandalismo social, em nome dos trabalhadores, onde os dirigentes sindicais se locupletam e se perpetuam no poder para manter privilégios de poucos que estão dirigindo e se formando em pelegos profissionais e dificultando a produção e o desenvolvimento do país.

 

Isso é facilitado pela legislação brasileira que permite a criação de novas instituições que se proliferam, ao ponto de serem mais de 250 a cada ano e tendo um universo assustador de mais de 15 mil sindicatos no país.

 

Para se voltar a relação que vinha se desenhando ultimamente entre o capital e o trabalho, temos que antes da reforma trabalhista, fazer acontecer a reforma sindical, para não termos que assistir futuramente uma paralisação do investidor diante do maior número de causas trabalhistas do mundo, em torno de 3 milhões ao ano, o que assusta e afasta qualquer empresário de bom censo em colocar seu dinheiro na mais arriscada profissão do Brasil! Empresário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.