Projeto vai investir R$ 875 mil em pequenos negócios da construção civil

28 de março de 2017 Notícias 0

O setor da Construção Civil do Agreste paraibano receberá um aporte de R$ 875 mil para qualificação. O projeto Indústria da Construção Civil do Sebrae Paraíba na região começou este ano e vai atender cerca de 100 empresas da cadeia produtiva de Casa e Construção (móveis planejados, movelaria e vidros) de 38 cidades da microrregião.

De acordo com a analista técnica do Sebrae em Campina Grande e uma das gestora do projeto, Ingridt Milenna, os empreendedores terão a oportunidade de participar de cursos, palestras, seminários, oficinas e consultorias. “O foco principal é em gestão e inovação. Por dois anos, esses empresários terão seus negócios melhorados e até ampliados com a aplicação das metodologias de orientação empresarial do Sebrae no trabalho em grupo”, explicou.

O projeto é voltado para microempresas e empresa de pequeno porte, mas também serão atendidos microempreendedores individuais. Podem participar empresas do segmento nos municípios atendidos pelo Sebrae em Campina Grande. O projeto vai promover ações que estimulem o aumento do faturamento, melhoria da gestão, do pessoal e vendas, além de auxiliar na aquisição de equipamentos e novos contatos comerciais através do grupo.

“Os empresários conhecem o segmento, têm bons produtos e ferramentas como softwares e máquinas, mas têm dificuldades em gerenciar o negócio, principalmente na área financeira. A contribuição do Sebrae será na área de gestão dessas empresas, na melhoria de produtos e processos, como também na redução de resíduos, diminuindo o percentual de perdas e aumentando o lucro do negócio”, disse.

Os empresários interessados em participar do projeto Indústria da Construção Civil do Sebrae devem entrar em contato com o Sebrae pelos telefones 2101-0150 ou 2101-0117.

Missão técnica – Até a próxima sexta-feira (31), nove empresários que fazem parte do projeto participam da Feira Internacional de Máquinas, Matérias-Primas e Acessórios para a Indústria Moveleira (FIMMA), em Bento Gonçalves (RS). A Feira estimula a cadeia produtiva de madeira e móveis. Segundo especialistas, é uma das melhores oportunidades de encontro com o sucesso nos negócios. Máquinas, matérias-primas e acessórios para a indústria moveleira, além das promissoras parcerias e atrativos de negócios, estarão no evento que os paraibanos participarão. O evento mostra soluções para o fortalecimento do setor moveleiro.

Já nos dias 19 de abril e 10 de maio, o grupo de empresários paraibanos vai participar do Seminário da Indústria da Construção Civil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.