Com repatriação, governo tem R$ 16,2 bi a mais até o fim do ano

23 de novembro de 2016 Principal 0

Com a repatriação de bens e ativos no exterior, o governo Brasileiro terá mais recursos para usar neste fim de ano. Cálculos do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão indicam uma cifra de R$ 16,2 bilhões a mais disponível. Esse valor, no entanto, será usado prioritariamente para quitar restos a pagar.

“Esse espaço de R$ 16,2 bilhões nos permite manter com segurança o resultado fiscal previsto para o Governo Central e destinaremos esses recursos, principalmente, para pagamento de restos a pagar, uma vez que esse elemento tem crescido nos anos passados, apresentando certa redução nos últimos meses”, explicou o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira.

Ele observou ainda que essa despesa classificada como restos a pagar é formada por gastos da União que já foram contratados, que estão em andamento, e que precisam ser quitados em algum momento.

“A oportunidade de pagar isso e reduzir esses compromissos me parece extremamente correta porque é uma despesa que não adianta fingir que você não tem. Essa despesa está lá e existe”, argumentou Oliveira.

Responsabilidade fiscal

Segundo o ministro, o governo trabalha em várias frentes para reduzir despesas e, ao fazer esse pagamento de restos a pagar, evita-se o acúmulo de faturas para os próximos anos. Os detalhes sobre a utilização desses pagamentos serão informados em decreto que será publicado até o final de novembro.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério do Planejamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.