ACCG reúne lideranças para discutir alternativas de geração de emprego

15 de agosto de 2017 Principal 0

Na última quarta-feira, 9, o presidente da Associação Comercial de nossa cidade, Marcos Procópio, reuniu lideranças sindicais da cidade, representantes das classes de trabalhadores e de empregadores, quando foram definidas estratégias para colocar em prática o movimento “Todos pelo Emprego”.A proposta do movimento “Todos pelo Emprego” visa criar um ambiente favorável à geração e manutenção do emprego em nossa cidade e estado, através da atualização de matérias legislativas, capacitação profissional e do empreendedorismo.

Para fortalecer este ambiente favorável ao emprego e ao desenvolvimento econômico, os organizadores do movimento chamam a atenção para a revolução tecnológica que está em curso no país.

Novo mercado vai gerar empregos

Nesse contexto, o presidente da Associação Comercial, Marcos Procópio, destaca um aspecto importante do que está acontecendo no mercado atualmente. Como exemplo, ele citou que não existe profissional especializado para trabalhar com gestão de comércio eletrônico, um segmento de negócio em franca expansão e que vai gerar muita oportunidade de trabalho nos próximos anos.

O dirigente empresarial informou que está em contato com instituições de ensino de Campina Grande, para viabilizar cursos na área de conhecimento relacionado ao  comércio eletrônico, visando preparar profissionalmente as pessoas para um novo mercado de trabalho que se avizinha.

O presidente do Sicoob Paraíba, Paulo Martins, declarou que a instituição por ele representada, hoje a maior cooperativa empresarial de crédito do Nordeste, tem muito a colaborar com o desenvolvimento dos negócios e, consequetemente, para a geração de empregos.

Para Marcos Procópio, só teremos uma cidade desenvolvida se nela houverem empregos.

Participaram do encontro:  dirigentes sindicais de trabalhadores dos bancários, comerciários, jornalistas, radialistas, frentistas, técnicos em segurança do trabalho, urbanitários, industriários, além do setor empresarial representados pela ACCG, SITRANS, Sicoob Paraíba, SindCampina e FACEPB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.